Fracking

(Voz da Rússia, 24/07/2014) Gás de xisto norte-americano invade economia francesa


(globo.com, 23/07/2013) Impactos da exploração de petróleo e gás de xisto no AC são debatidos na SBPC

Pesquisadores debateram tema na 66ª Reunião do SBPC, nesta quarta (23).
Acre teve bloco de exploração de gás arrematado pela Petrobras em 2013.

Exploração de gás de xisto foi debatida por pesquisadores durante SBPC (Foto: Veriana Ribeiro/G1) Exploração de gás de xisto foi debatida por pesquisadores durante SBPC (Foto: Veriana Ribeiro/G1)

Os impactos socioambientais da exploração de petróleo e gás de xisto no Acre foram debatidos, nesta quarta-feira (23), por três pesquisadores durante a 66ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). O estado teve um bloco para exploração de gás arrematado pela Petrobras em novembro de 2013 durante um leilão da Agência Nacional de Petróleo (ANP). Os pesquisadores explicaram como é realizada a exploração do gás de xisto, um gás natural que pode ser encontrado em formações de folhelho [rocha sedimentar de origem detrítica].


 (energiabusiness.com.br , 18/07/2014) Grande campo de gás de xisto deve revolucionar setor energético chinês

No embalo do boom de xisto nos Estados Unidos, a China sinaliza o lançamento do desenvolvimento comercial de seu primeiro grande campo desse gás não convencional. O projeto surgiu após verificação das reservas no campo Fuling da Sinopec Corp, situado no sudoeste do país.


 (CBN, 17/07/2014) Gás de xisto é tema de viagem da FAEP, aos Estados Unidos e Canadá – Ministério Público apresenta contra razões ao agravo apresentado pela ANP


(Reuters, 17/07/2014) China se prepara para desenvolver 1º grande campo de gás não convencional

O governo chinês tem verificado as reservas de gás de xisto no campo Fuling da Sinopec Corp, no sudoeste do país, sinalizando o lançamento oficial do desenvolvimento comercial do primeiro grande campo desse gás não convencional da China.


(Jornal GGN, 11/07/2014) Argentina aproveita gás de xisto para atrair Rússia e China

A visita dos líderes Xi Jinping e Vladimir Putin ao Brasil para reunião com os Brics poderá ser também decisiva para a Argentina, mesmo fora do grupo. A presidente Cristina Kirchner já está aspirando obter bem mais que apoio político em sua batalha com os fundos de hedge: a gigantesca formação de xisto na Patagônia pode aproximar os três países definitivamente.


(Gazeta do Povo, 09/07/2014) As incertezas do gás de xisto

Preocupada com as possíveis conse­quências da exploração do gás de xisto no estado, a Federação da Agricultura do Estado do Paraná (Faep) promoveu duas viagens técnicas aos Estados Unidos e Canadá, e outras duas ocorrerão em agosto e setembro, envolvendo líderes rurais, técnicos e jornalistas da entidade.


Vereadores do município de Foz do Iguaçu, PR se unem ao movimento Anti-Fracking

Publicado em 23/06/2014, por: imprensa CMFI


(exame.com – 04/07/2014) Berlim quer proibir exploração de gás de xisto até 2021

Berlim quer proibir a exploração de gás de xisto pelo menos até 2021 e controlar mais estreitamente o recurso da fratura hidráulica, ou “fracking”, segundo projeto de dois ministros do governo da chanceler alemã, Angela Merkel, do qual a AFP teve conhecimento nesta sexta-feira.


(EBC, 26/06/2014) Reino Unido dará apoio para ANP desenvolver regulação em gás não convencional

O Reino Unido e a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) anunciaram nesta quinta-feira (26), no Rio de Janeiro, uma parceria, com duração de um ano, com o objetivo de ajudar o órgão brasileiro a desenvolver uma regulação para exploração segura e sustentável de gás não convencional (gás de xisto).


(Gazeta do Povo, 24/06/2014) ANP vai recorrer de decisão que suspende licitação do gás de xisto

Tribunal Regional Federal (TRF) da 4ª Região manteve a suspensão dos resultados da 12ª rodada de licitações determinada pela Justiça Federal do Paraná


(Gazeta do Povo, 11/06/2014) Cascavel e Toledo debatem extração do gás de xisto

Fórum de discussão e audiência pública discutiram o polêmico método, considerado altamente prejudicial ao meio ambiente e contestado pelo Ministério Público Federal


(CBN, 12/06/2014) Cascavel recebe palestra contra método de fracking para retirada de gás de xisto no oeste paranaense


 (portogente.com.br, 11/06/2014) O fracasso do xisto na Califórnia, segundo a Aepet

A Associação dos Engenheiros da Petrobras (Aepet) repercutiu, nos últimos dias, matéria publicada pelo site americano Trouthout e republicada pelo Carta Maior vem confirmar a opinião do vice-presidente da AEPET, Fernando Siqueira, em relação às reais possibilidades do shale gás (xisto) para os Estados Unidos.


(palotinapress.com.br, 11/06/2014) Câmara presta apoio aos órgãos públicos para a não exploração do gás de xisto

Na sessão dessa segunda-feira (9) da Câmara de Vereadores de Palotina, os parlamentares foram favoráveis à moção de apoio contra a exploração do gás de xisto na região.


(Gazeta do Povo, 03/06/2014) População de Toledo vai às ruas contra exploração do gás de xisto

Mais de mil pessoas participaram de uma manifestação contra o método fracking para explorar gás de xisto. Procedimento é considerado danoso ao meio ambiente

César Machado/Vale Press / Moradores de Toledo protestaram e manifestaram preocupação com danos ambientais


(theguardian.com, 22/05/2014) Write-down of two-thirds of US shale oil explodes fracking myth

Industry’s over-inflated reserve estimates are unravelling, and with it the ‘American dream’ of oil independence


(exame.com.br,13/05/2014) ONG denuncia impacto do gás de xisto na Argentina

ONG Amigos da Terra denunciou o impacto ambiental e social ligado à busca de jazidas de gás de xisto na Argentina


(TV Câmara, 09/05/2014) Minas e Energia rejeita suspensão de leilão para explorar gás natural e de xisto

A Comissão de Minas e Energia rejeitou na quarta-feira (7) o Projeto de Decreto Legislativo 1409/13, dos deputados do Psol Chico Alencar (RJ) e Ivan Valente (SP), que susta normas do governo federal que garantiram a venda de blocos para exploração de gás natural e gás de xisto.


(terra.com.br, 06/05/2014) Chevron inicia exploração de gás de xisto na Romênia

A gigante de energia dos Estados Unidos, Chevron, informou nesta terça-feira ter iniciado a perfuração de seu primeiro poço de exploração do gás de xisto na Romênia, apesar da oposição feroz dos moradores locais.


(TV Câmara, 06/05/2014) Dep. Jaime Martins (PSD-MG) explica como é feita a exploração econômica do gás de xisto


 (JusBrasil, 01/05/2014) MPF/PI alerta sobre riscos da exploração do gás de xisto. Segundo procurador, exploração do gás precisa de estudos mais aprofundados

Durante o evento, o geólogo Luiz Fernando Scheibe, doutor em Mineralogia e Petrologia; professor da Universidade Federal de Santa Catarina e coordenador do Projeto Rede Guarani/Serra Geral, fez uma explanação dos riscos, do alto custo financeiro e do potencial de degradação ambiental associados à exploração desse gás. Segundo o estudioso, os resultados das primeiras ações judiciais com pedidos de reparação de danos à saúde e ao meio ambiente já estão acontecendo nos Estados Unidos. As indenizações ocorrem pelos danos causados às propriedades e à própria saúde humana, em geral com problemas respiratórios. Scheibe citou a frase de capa de uma revista para definir o potencial lesivo da exploração do gás ao meio ambiente: é como espremer o bagaço da terra.


Exploração do xisto é debatida na Assembleia Legislativa

O plenário da Assembleia Legislativa do Piauí foi palco de audiência pública para o debate do mineral xisto no Estado. Ministério Público Federal e outras instituições, bem como a Frente Parlamentar do Meio Ambiente na Assembleia analisaram os prós e os contra da exploração desse minério.

Youtube: publicado em 28/04/2014


(cidadeverde.com, 28/04/2014) Frente Parlamentar discute exploração do gás xisto no Piauí

Professor da Universidade de Santa Catarina proferiu palestra na Alepi.

A Frente Parlamentar da Assembleia Legislativa reuniu-se hoje (28) no plenarinho da Casa com representantes da  exploração do gás de xisto no Estado do Piauí, sob a presidência da deputada Margarete Coelho (PP).

O professor de geologia da Universidade Federal de Santa Catarina, Luiz Fernando Scheibe, foi convidado para proferir palestra sobre o tema. Ele afirmou existir uma previsão para exploração do gás de xisto com as águas doces no Brasil.

margarete audiencia


(Resource Insights, 27/04/2014) New York state shale gas: Not so much

By Kurt Cobb
   A drilling foreman once told me, “Don’t believe ANY reserve number unless it’s linked to a price.” And, that is just what petroleum geologist and consultant Arthur Berman and his colleague Lyndon Pittinger have done in a new report on the viability of shale gas in New York state.


(Jornal do Comércio, Porto Alegre, 28/04/2014) Braskem busca alternativas ao gás de xisto

Parceria no México garante à empresa uma opção para adquirir matéria-prima com preço adequado ao mercado


(G1 PI, 28/04/2014) Assembleia Legislativa do Piauí discute exploração do xisto no estado

A Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi) discute na manhã desta segunda-feira (28) a exploração de gás de xisto no estado. Para o geólogo Luiz Fernando Scheibe, o minério é encontrado entre rochas e a extração pode colocar em risco o meio ambiente, especialmente as reservas de água.

Assista ao vídeos…


(Reuters, 24/04/2014) Shale gas explorers could pump 33 bln stg into Britain -report

The development of shale gas in Britain could create more than 64,000 jobs and give local businesses a 33-billion-pound ($55.37 billion) capital injection, according to an Ernst & Young report commissioned by an industry body.


(International Business Times, 24/04/2014) Shale Gas: Parr Family Wins $3m Payout After Fracking Damages Health

A family in Texas won $3m in damages from an energy company operating nearby their home after they claimed the shale gas operation damaged their health.


Globo, 23/04/2014) Deputado pede suspensão de normas da ANP para exploração de gás não convencional

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/economia/deputado-pede-suspensao-de-normas-da-anp-para-exploracao-de-gas-nao-convencional-12277870#ixzz2znxUNEqL


(O Globo, 23/04/2014) ANP publica resolução com regras para explorar óleo e gás não convencional no Brasil

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/economia/anp-publica-resolucao-com-regras-para-explorar-oleo-gas-nao-convencional-no-brasil-12274931#ixzz2znvcDnmb


(Assembleia Legislativa do Paraná , 23/04/2014)

O projeto de lei nº 737/2013, de autoria do deputado Rasca Rodrigues (PV), também gerou debates na sessão desta quarta-feira. Seu texto propõe moratória de cinco anos para exploração do gás de xisto no estado pelo método “fracking”, e teve parecer contrário do relator, deputado Péricles Holleben de Mello (PT), uma vez que a competência para legislar sobre o assunto seria exclusiva da União.

Rasca defendeu sua proposta, argumentando que o método hoje utilizado para a exploração desse tipo de gás produz danos pesados ao meio ambiente. No caso específico do Paraná, a preocupação maior é em relação a eventual contaminação de seus aquíferos mais importantes. Como a matéria é polêmica, sua votação também foi postergada por pedidos de vista apresentados pelos deputados Luiz Claudio Romanelli (PMDB) e Edson Praczyk.



(Inter Press Service, 24/04/2014) Polônia usa a Ucrânia para impulsionar o carvão

Varsóvia, Polônia, 23/4/2014 – O primeiro-ministro da Polônia, Donald Tusk, propôs uma “união estratégica” dentro da União Europeia (UE) como resposta do bloco à crise da Ucrânia, mas seu plano pode ser um cavalo de Troia a favor dos combustíveis fósseis. Pela proximidade geográfica e pelos profundos vínculos históricos entre Polônia e Ucrânia, o governo de centro-direita de Tusk assumiu uma posição relevante nas tentativas de aliviar a crise ucraniana.


Flyer Xisto


(Facebook, Fernando Collor, 19/04/2014)

A Comissão de Serviços de Infraestrutura do Senado aprovou nosso requerimento para a criação de grupo de estudos para elaboração de um anteprojeto de lei do Marco Regulatório sobre a exploração do gás de folhelho, também conhecido como gás de xisto, em território nacional. Esta foi mais uma proposta decorrente do 1º Fórum Nacional de Infraestrutura, que realizamos no mês passado, com o objetivo de entender e apresentar soluções para os gargalos da logística brasileira.


(Global Europe Anticipation Bulletin,15/Abril/2014) A Europa arrastada a uma divisão do mundo entre devedores e credores – as soluções desesperadas dos EUA para não afundarem sós


(Instituto Carbono Brasil, 16/04/2014) Fracking emite pelo menos 100 vezes mais metano do que o estimado, diz estudo

Estudo publicado no último sábado (12) no periódico Proceedings of the National Academy of Sciences, e revelou que a Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos (EPA) pode estar subestimando as emissões de metano do fracking ou fratura hidráulica.


(Prensa Latina, 17/04/2014) Ecologistas pedem moratória do fracking na Europa

Ecologistas em Ação pede aos candidatos ao Parlamento Europeu que expressem publicamente sua oposição à produção dos chamados hidrocarbonetos extremos e a favor de uma transição energética real para as energias limpas e renováveis.


(Buzaglo Dantas & Saes Advogados, 16/04/ 2014) A regulamentação do Shale Gas no Brasil: aspectos ambientais

Resolução da ANP define o procedimento e os requisitos a serem cumpridos para exploração e produção do gás não convencional através da técnica do Fraturamento Hidráulico


(FIESC, 11/04/2014) Custo do gás de xisto deve pressionar pré-sal por mais eficiência

Florianópolis, 11.4.2014 – O grande volume de investimentos previstos para a produção de óleo e gás no Brasil nos próximos anos ainda é atraente para as indústrias que querem atuar como fornecedoras do setor. Mas, novas formas de exploração do xisto, nos Estados Unidos, e da areia betuminosa, no Canadá, têm menor custo e devem pressionar o pré-sal brasileiro por mais eficiência. Este foi um dos temas debatidos na reunião do Comitê de Petróleo e Gás da Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC) na tarde desta sexta-feira (11).


(The Guardian, 10/04/2014) Why US fracking companies are licking their lips over Ukraine

From climate change to Crimea, the natural gas industry is supreme at exploiting crisis for private gain – what I call the shock doctrine


(The Guardian, 28/03/2014) Ex govt adviser: “global market shock” from “oil crash” could hit in 2015

A former oil man calls for renewable “Renaissance” to ward off shale dystopia


(EIA, 06/10/2013) Technically Recoverable Shale Oil and Shale Gas Resources: An Assessment of 137 Shale Formations in 41 Countries Outside the United States

_____________________________________________________________________________

(BBC News, 06/04/2014) Shale industry faces global reality check
By Richard Anderson

As US energy costs tumble on the back of shale oil and gas, the rest of the world is gripped with envy.
_______________________________________________________________________________

(The Guardian, 05/02/2014) Fracking is depleting water supplies in America’s driest areas, report shows

From Texas to California, drilling for oil and gas is using billions of gallons of water in the country’s most drought-prone areas

_______________________________________________________________________________

Fractured Country – An Unconventional Invasion (video)

Posted March 21, 2014 by & filed under Biodiversity, General, Global Warming/Climate Change, Health & Disease, Peak Oil, Soil Erosion & Contamination, Water Contaminaton & Loss.

_________________________________________________________________________________

Podcast Unesp – Quarta-feira, 12/3/2014

[PodAcqua] Nada justifica Brasil se aventurar na exploração de gás de xisto em bacias hidrográficas terrestres, afirma geólogo Gerôncio Rocha, pesquisador aposentado do DAEE e um dos principais estudiosos do Aquífero Guarani, aponta contaminação como o maior risco para o reservatório atualmente.
_________________________________________________________________________________

Apresentação realizada pelo Prof. Dr. Luiz Fernando Scheibe, Brasília, 21 de fevereiro de 2014, na ASÁGUAS – Associação dos Servidores da ANA 

Apresentação em pdf
_________________________________________________________________________________

Seminário Técnico-Ambiental da 12ª Rodada de Licitações – As áreas em oferta na 12ª Rodada de Licitações

apresentações em ppt

by  on Sep 30, 2013
________________________________________________

(Rede Brasil Atual, 03/03/2014) Químicos brasileiros e franceses debatem desenvolvimento sustentável

por Viviane Claudino: Desafio é conciliar crescimento econômico com desenvolvimento social. Trabalhadores, empresas e academia debatem de fontes alternativas de energia aos limites da sociedade de consumo
Leia mais…
_________________________________________________________________________________

(Valor Econômico, 04/02/2014) É preciso ir com muita calma com o gás de xisto
Por Gerôncio Rocha, Ricardo Hirata e Luiz Scheibe
Leia mais em: http://www.valor.com.br/opiniao/3418298/e-preciso-ir-com-muita-calma-com-o-gas-de-xisto#ixzz2sMLpYOo8

_______________________________________________

(meionorte.com, 01/02/2014) Bacia do Parnaíba: Manifestantes fazem protesto e alertam pessoas para exploração de xisto
_______________________________________________

(SBPC) Debate sobre a exploração do gás de xisto causa polêmica (06 de Dezembro de 2013).

O PODER DA COMUNIDADE / The Power Of Community (2006)

“Quando a União Soviética entrou em colapso em 1990, a economia cubana entrou em queda livre. Com as importações de petróleo cortadas em 50% e as importações de alimentos cortadas em 80%, as pessoas estavam desesperadas. Este filme encorajador e fascinante mostra como as comunidades reagiram juntas, criaram soluções e finalmente prosperaram, apesar da sua menor dependência de energia importada. No contexto das preocupações mundiais com o pico petrolifero, Cuba é uma visão inspiradora de esperança”.

(Instituto Socioambiental) Gás de xisto no Brasil: os problemas que se avizinham
segunda-feira, 09 de Dezembro de 2013

Na última quinta (5/12), houve uma excelente audiência pública, convocada pela Comissão de Meio Ambiente da Câmara dos Deputados, para discutir a exploração de “gás de xisto” no país, cujo pontapé inicial foi dado pela Agência Nacional do Petróleo (ANP) na semana retrasada, após malandramente dar um “drible da vaca” no Ministério Público Federal (saiba mais).

(EcoDebate) Dossiê EcoDebate: Os riscos e ameaças da exploração do ‘Gás de Xisto’ obtido por fraturamento da rocha

Dossiê EcoDebate: Os riscos e ameaças da exploração do ‘Gás de Xisto’ obtido por fraturamento da rocha (shale gas fracking)
Continue lendo…

(Globo) Leilão da ANP para exploração de gás em terra arrecada R$ 165 milhões

Dos 240 blocos ofertados, apenas 72 foram arrematados.
Petrobras levou grande parte dos blocos oferecidos no leilão.

Continue lendo…

(O GLOBO) Veja como foi o leilão de gás da 12ª Rodada da ANP…leilao

(Carta Maior) Exploração de gás de xisto no Paraná preocupa ambientalistas

Marco Aurélio Weissheimer

ArquivoA introdução do método “fracking” no Paraná para a produção de energia a partir da exploração de reservas de gás que exigem esse método para sua extração preocupa ambientalistas e técnicos da área de energia… Leia mais!

(Revista Galileu) Gás de xisto: Brasil começará a leiloar as suas reservas. Mas é seguro?

gas

O tema virou uma grande discussão nos EUA e acaba de chegar ao Brasil. Enquanto ativistas saem às ruas de várias partes do mundo contra esse tipo de extração, a Agência Nacional de Petróleo (ANP) decidiu leiloar em novembro cinco bacias para a exploração do combustível. Foi o estopim para que duas sociedades científicas, a SBPC e a ABC, pedissem a Dilma a suspensão temporária do leilão, o que o governo não cogita. O debate começa a esquentar no Brasil.

Leia mais…

(G1) Conselho Constitucional francês valida lei que proíbe extração de gás de xisto

PARIS, 11 Out 2013 (AFP) – O Conselho Constitucional francês fechou a porta para os industriais interessados em gás e petróleo de xisto na França, ao confirmar esta sexta-feira a proibição da fratura hidráulica que vigora no país desde 2011.

Leia mais…

(FRACKING NÃO BRASIL!) COPEL DESCONSIDERA RISCOS AMBIENTAIS E SÓCIO-ECONOMICOS DO “FRACKING”, CONDENADO PELO PAPA, PARA GERAR ENERGIA NO PARANÁ

Zuleica Nycz* e Ivo Pugnaloni**

Papa No FrackingFernando Pino Solanas, senador argentino e autor do vídeo abaixo ao lado do Papa. Na Argentina, na província de Neuquén, as famosas maçãs daquela região, estão proibidas de entrar na União Europeia. Também estão proibidos de entrar na Europa os produtos de origem animal contaminados pelos produtos químicos tóxicos que inundaram os lençóis freáticos daquela região, como pode ser visto neste filme de Fernando Pino Solanas que todos os que atuam em atividades agroindustriais de qualquer porte deveriam assistir, antes de festejarem que “tem petróleo no meu quintal e não preciso mais trabalhar”, como pensaram alguns “red necks” americanos que agora se arrependem até o fundo da alma, vendo o valor de suas terras caindo em até 90% depois da contaminação de seus rios e poços pelo uso do “fracking”, que é uma forma de extrair depósitos residuais, de pouco volume e de pequena vida útil de óleo e gás.

Continue lendo…

LA GUERRA DEL FRACKING de PINO SOLANAS

NÃO HÁ AMANHÃ – There’s No Tomorrow (2012) legendado português

The Fracking Song


(Gazeta do Povo, 18/07/2010) ANP “caça” petróleo no Paraná

Técnicos procuram há dois meses indícios de óleo e gás no Sudoeste do Paraná. Levantamento vai ajudar a definir blocos que poderão ser ofertados nos próximos leilões

Anúncios